Quando o "censo" parte dos moradores: levantamentos socioeconômicos feitos na ocupação jardim da união

Carina Costa Correa, Bárbara Caetano Damasceno, Heitor Seemann de Abreu, Gabriel Enrico Higo Mafra Cabral

Resumen


O artigo objetiva analisar descritivamente dois processos de le- vantamento socioeconômico realizados na Ocupação Jardim da União, lo calizada no Distrito de Grajaú, na zona sul de São Paulo. O primeiro deles se deu no contexto de uma iminente reintegração de posse, na qual o levan- tamento se fez necessário para coletar dados que contribuíssem para a defesa da permanência dos moradores no local, tendo sido demandado pela Defensoria Pública do estado de São Paulo. O segundo, realizado durante a pan- demia de Covid-19, foi solicitado pela Associação de Moradores, tendo como finalidade a organização interna da ocupação para um futuro processo de regularização fundiária. Nestes termos, a análise das distintas experiências, focando na metodologia adotada para cada uma, permite explorar como o campo da assessoria técnica em habitação de interesse social se molda em diferentes contextos sociopolíticos e institucionais, de acordo com as parti- cularidades e necessidades do território e de um determinado momento.


Palabras clave


Assessoria Técnica em Habitação de Interesse Social; Ocupação Jardim da União; Levantamento Socioeconômico

Texto completo: PDF

Refbacks

  • No hay Refbacks actualmente.



ISSN versión impresa: 2422-5444
ISSN en línea: 2422-5541


 Licencia Creative Commons

Esta obra está bajo una http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/